Shares

A obesidade atinge muitos portugueses de todas as idades e é um fator de risco para as doenças do coração. Trata-se do excesso de gordura no corpo que em níveis muito elevados acabam por afetar gravemente a saúde. O diagnóstico de pré-obesidade e de obesidade é calculado através do IMC – Índice de Massa Corporal.

IMC = Peso / Altura²

Este indicador permite determinar se um indivíduo adulto tem baixo peso, peso normal ou excesso de peso.
Uma dieta hiperenergética, com excesso de lípidos, de álcool e de hidratos de carbono, assim como sedentarismo resultam na acumulação de excesso de massa gorda. A obesidade é uma doença crónica que deve ser tratada e a solução é a perda de peso. Para além de contribuir positivamente para a saúde no global, melhora a qualidade de vida e reduz o risco de mortalidade.

 

Classificação IMC (Kg/m2)
Magreza <18
Normal 18-25
Pré-Obesidade 25-30
Obesidade Grau I 30-35
Obesidade Grau II 35-40
Obesidade Grau III (Obesidade Grave ou Mórbida) >40

 

10 DICAS CINTRAMÉDICA PARA MANTER UMA VIDA SAUDÁVEL:

1) Força de vontade – Em caso de doença é importante mentalizar-se que necessita de ajuda e quanto mais cedo mudar os seus hábitos de vida melhor. É preciso ter força de vontade, modificar os hábitos alimentares e fazer exercício. Recorra a um médico nutricionista que o ajudará neste passo.

2) Dormir bem – Descansar 7 horas é suficiente para recuperar as energias. Este processo de descanso é crucial tanto para o corpo como para a mente.

3) Tomar sempre o pequeno-almoço – É a refeição mais importante do dia. Comer bem nas duas primeiras refeições do dia faz com que sinta menos apetite o resto do dia.

4) Jantar muito leve – À noite o metabolismo fica mais lento. Desta forma é importante optar por uma refeição mais leve. Se a fome aparecer antes de se deitar coma uma gelatina ou um iogurte.

5) Beber muita água durante o dia – A quantidade recomendada é entre 1 e 2 litros de água. Beber um copo de água meia hora antes das refeições ajuda a reduzir a vontade de comer.

6) Praticar atividade física – Deve fazer atividade física pelo menos 3 vezes por semana. Não importa qual a atividade, o importante é não estar parado. Se não quiser correr, por exemplo, pode sempre caminhar.

7) Comer frutas e legumes variados – Para além de fornecerem muitas fibras e vitaminas, ajudam a perder peso. Salada ou sopa são sempre uma boa opção antes de comer o prato principal.

8) Reduza o consumo de Sal – O consumo excessivo de sal está associado ao aumento da pressão arterial e consequentemente a problemas de coração. Opte, por exemplo, por ervas aromáticas para temperar os alimentos.

9) Comer um pouco de tudo – Fazer dieta não significa deixar de comer tudo aquilo que gosta e muito menos deixar de comer por completo. Tudo passa por fazer boas escolhas de alimentos. Preferir o peixe à carne vermelha, e alternar o consumo entre peixe e carnes brancas é uma boa opção. Evitar os fritos e optar por alimentos cozidos ou grelhados é uma excelente mudança que fará diferença.

10) Comer de 3 em 3 horas – Pode parecer muito mas isso fará com que não fique com fome. Desta forma as porções de comida vão diminuindo e consequentemente o peso também.

 

Marque a sua consulta

Shares