Shares

Resistir ao açúcar pode ser difícil, ainda mais quando este está presente em quase todos os alimentos. No entanto, o consumo de açúcar em demasia pode trazer problemas para o seu organismo, e por isso é necessário ter especial atenção com os alimentos mais açucarados, e tentar evitá-los ou substituí-los.

O açúcar é um hidrato de carbono que produz energia de forma rápida e, quando consumido em excesso, é convertido em gordura. A forma de apresentação mais conhecida do açúcar é a sacarose, ou seja, o açúcar branco ou “açúcar de mesa”, no entanto também existem a frutose e a lactose, que são os açucares presentes na fruta e no leite, respetivamente.

As formas mais conhecidas da sacarose são:

• Açúcar Mascavado (açúcar bruto com menos aditivos químicos);
• Açúcar Amarelo (areado e refinado sem eliminar na totalidade o melaço);
• Açúcar Demerara (açúcar com pouco grau de refinamento, que tem o inconveniente de ser de difícil dissolução));
• Açúcar Refinado (a variedade mais conhecida);
• Açúcar de Pasteleiro (mais utilizado na cozinha confeiteira);
• Açúcar Cristal (de cristais grandes, dificilmente dissolvidos na água);
• Açúcar Líquido (mais usado em bebidas e rebuçados);
• Xarope Invertido (solução líquida com 1/3 de glicose, frutose e sacarose, mais utilizado em gelados).

Apesar de podermos encontrar o açúcar de forma natural em alimentos como o mel ou a fruta, é muitas vezes adicionado artificialmente aos alimentos fabricados e/ou processados. O açúcar é viciante para o cérebro, pois estimula a produção da dopamina, que é responsável pela sensação de prazer e bem-estar, fazendo com que o nosso corpo “peça” por mais.

Para além do vício, o excesso de açúcar também prejudica a memória, dificulta aaprendizagem, e ainda pode causar:

• Cáries nos dentes;
• Obesidade;
• Diabetes;
• Cancro;
• Gastroenterite;
• Colesterol alto;
• Gordura no fígado;
• Hipertensão;
• Prisão de ventre;
• Trombose;
• Miopia;
• Acne.

Para combater o excesso de consumo de açúcar deve ter atenção os alimentos que come.

Dicas para reeducar a sua alimentação:

• Não fique mais de 3 horas sem comer;
• Se quiser chocolate, escolha o chocolate preto ou amargo, que tenha mais de 70% de cacau;
• Corte aos poucos o açúcar refinado no seu dia-a-dia, assim como bolos, bolachas, sobremesas, entre outros doces;
• Opte por alimentos integrais para ajudar a manter a glicemia estável;
• Prefira sempre alimentos frescos, pois os processados têm maior concentração de açúcar artificial.

A recomendação de consumo de açúcar por dia é de 25 g, o que equivale a uma colher de sopa cheia. O ideal é evitar ao máximo a ingestão deste alimento, no entanto, é preferível o consumo de açúcar mascavado, mel, ou fruta, pois têm mais vitaminas e minerais, e são menos prejudiciais para a saúde.

 

Shares