Shares

O dispositivo intra-uterino (DIU) é um eficaz método contracetivo, amplamente difundido em Portugal. Consiste numa estrutura com haste de cobre, cuja forma varia segundo a marca comercial e pode atingir uma duração de 5 anos. O mecanismo de ação envolve a criação de um ambiente hostil para os espermatozóides e óvulos a nível do útero e das trompas de Falópio.

 

Como é o procedimento?

Ao contrário dos métodos hormonais, não impede a ovulação. A inserção é efetuada num consultório, preferencialmente durante o período menstrual. A mulher posiciona-se na marquesa ginecológica e o médico desinfeta a sua vagina. Seguidamente é colocada uma pinça no colo do útero, introduzido um instrumento (histerómetro) para medir o tamanho do órgão e, tendo em conta esse valor, é inserido o DIU de acordo com as especificações da empresa que o produz. No final do procedimento ficam apenas visíveis dois fios, exteriorizados através do colo do útero, que permitem a remoção segura do DIU e não influenciam a vida sexual.

Todo o processo pode ser um pouco desconfortável, requer uma adequada colaboração por parte da utente e torna-se mais fácil se já tiver acontecido um parto vaginal.

 

Prós e Contras

Este método não requer uma lembrança diária ou semanal, não é afetado por vómitos ou diarreia, pode ser utilizado em mulheres com contra-indicação para métodos hormonais, não interfere com a amamentação, a sua eficácia é logo após a colocação e permite retomar a fertilidade imediatamente após a remoção.

Por outro lado, está associado a alguns riscos como a perfuração do útero, deslocação do aparelho e perda de eficácia, doença inflamatória pélvica, aumento da probabilidade de gravidez ectópica caso a mulher engravide, irregularidades menstruais, aumento do fluxo e dor pélvica. Não protege contra as infecções sexualmente transmissíveis.

Antes de optar por um determinado método contracetivo, fale com o seu médico Ginecologista sobre todos os riscos, benefícios e alternativas.

 

 

Artigo escrito pelo Dr. Carlos Veríssimo, Médico de Ginecologia e Obstetrícia na Cintramédica

 

 

Marque a sua consulta Conheça o médico

Shares